Órgãos Sociais

O Centro PINUS é uma associação sem fins lucrativos que reúne os principais agentes da Fileira do Pinho, incluindo representantes da produção florestal, dos prestadores de serviços, das indústrias, da administração pública, do ensino superior e do setor financeiro.

O Centro PINUS existe, porque acreditamos numa floresta melhor, em que o pinheiro-bravo tem um papel único.

A associação tem por objeto promover a sustentabilidade do pinheiro-bravo na floresta portuguesa, contribuindo para o fornecimento de matéria-prima adequada às necessidades das indústrias da Fileira.

A atuação do Centro PINUS passa por:

– Promover iniciativas nomeadamente de carácter científico, técnico e formativo bem como ações de comunicação, divulgação e disseminação;

– Cooperar com entidades públicas ou privadas em temas de interesse comum;

– Garantir a representação e defesa dos seus objetivos junto dos organismos e centros de decisão nacionais e internacionais, dos demais grupos de interesses e da opinião pública, contribuindo para a perceção generalizada da importância social, económica e ambiental da Fileira do Pinho.

Assembleia Geral

Presidente
Alberto João Coraceiro de Castro.

Vice-presidentes
INIAV – Instituto de Investigação Agrária e Veterinária, representado por Nuno Figueira Boavida Canada;
MADECA – Madeiras de Caxarias, S.A., representada por João Miguel de Almeida Verdasca Pereira

Direcção

Presidente
DS Smith Paper Viana, S.A., representada por João Manuel Freire Gonçalves.

Vogais

Celtejo – Empresa de Celulose do Tejo, S.A. representada por António Manuel Marques Pinho;
Forestis – Associação Florestal de Portugal, representada por Luís Garcia Braga da Cruz;
ICNF, I.P., representado por Nuno Miguel Sequeira Gama;
Luso Finsa, S.A., representada por Victor Manuel Torrado Ares;
Sonae Arauco Portugal, S.A., representada por Maria Isolete da Silva Torres Matos;
UTAD – Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, representada por José Tadeu Marques Aranha.

Conselho Fiscal

Presidente
Unimadeiras, S.A.,  representada por Jorge Loureiro

Primeiro vogal
AIMMP – Associação das Industrias de Madeira e Mobiliário de Portugal, representada por Vítor Manuel Moreira Poças

Segundo vogal
Velosa, Silva, Marques e Trabulo, SROC, representada por José Manuel Varandas Marques

Pin It on Pinterest